Pontapé inicial para aprender Erlang

Ano passado, no mês de outubro, resolvi começar a aprender Erlang – que é uma linguagem fantástica, digasse de passagem – e logo dei o pontapé inicial com material do próprio site da versão open-source da linguagem. Lá você encontra dois canais de conteúdos bem interessantes para o seu aprendizado.

O primeiro canal é o do famoso getting started, como estamos acontumados a encontrar em outras linguagens, só que em três versões diferentes, uma para cada saco gosto para leitura. Tem a versão rápida, a lenta, e a muito, muito, muito lenta. Já o segundo canal é uma coleção de diversas publicações interessantes, que vale a pena ao menos saber que existe.

Bom, com todo esse material disponível, seria chover no molhado eu querer dizer “o que é Erlang”, “qual o seu propósito”, e “blá blá blá”. Os materiais supra citado já fazem isso muito bem. :)

Em lugar disso, vou deixar aqui um passo a passo sucinto para instalar no Ubuntu a versão mais atual a partir dos fontes (já que não queremos a versão desatualizada disponível por apt-get) e mais alguns links para estudo rápido e mastigado. Ou seja, vou te dar um empurrãozinho te ajudar a dar o seu próprio pontapé inicial no aprendizado de Erlang.

Lembrando que, mesmo que você seja usuário de Windows, não há problema algum, este post também é pra você. Basta você fazer o download do .exe de instalação mais atual aqui e pular o próximo tópico.  E, caso você seja usuário de outra distro de Linux, I’m so sorry! Você vai ter que procurar sua própria receita de instalação no Google. :)

Instalação no Ubuntu

Antes de começar a instalação, você precisará fazer duas coisas:

1) Criar o diretório onde você fará a instalação

No meu caso, o path que é:


/home/leandro/Desenvolvimento/erlang/tools/otp_r12b-5

Vou usá-lo em toda a receita, então, fique atento e não se esqueça substituir pelo seu próprio path.

2) Baixar a última versão dos fontes aqui e depois descompactá-la no diretório criado no passo anterior

Feito isso, ótimo! É hora de começar a instalação de verdade. Vamu qui vamu!

1) Instale o conjunto básico de ferrametas para fazer o build


sudo apt-get install build-essential libncurses5-dev m4

2) Instale um conjunto de ferrametas de SSL, caso você ainda não tenha


sudo apt-get install openssl libssl-dev

3) Execute a configuração do build


./configure

4) Faça o build!


make && sudo make install

Aguarde, aguarde, aguarde…

5) Configure o diretório bin no PATH do sistema

Com seu editor de texto preferido, edite o arquivo /etc/bash.bashrc e insira o bloco abaixo:


# Setting the ERLANG_HOME and PATH to Erlang otp_r12b-5
ERLANG_HOME=/home/leandro/Desenvolvimento/erlang/tools/otp_r12b-5
PATH=$ERLANG_HOME/bin:$PATH
export ERLANG_HOME PATH

Ou faça como você preferir, esse passo é bem a la vonté mesmo. :)

6) Teste!

No console, digite erl. Se carregar o Erlang (BEAM) emulator é porque está tudo OK!

Se não carregar o Erlang (BEAM) emulator, revise os passos anteriores com calma, para ver se você fez tudo certinho, se não errou ou se esqueceu de algum detalhe. Caso ainda tenha problemas, o Google é seu amigo!

Mais dicas de referências

Como disse, além dos links que citei no início que estão realmente repletos de material interessante, queria indicar também uma série de posts do Caio Ariede, que também está aprendendo a fantástica Erlang.

Outra dica é um projeto que criei no meu GitHub [que vergonhosamente não tinha nada desde outubro] para colocar os códigos dos meus estudos, mas até agora só subi uns poucos programinhas bem didáticos do Getting Started Lento. Vamos ver se logo arranjo um tempo para organizar a coisas por aqui e subir mais coisas legais. Fique de olho nele.

Mais uma, ainda no GitHub, é o projeto que o Nando Vieira criou para publicar suas anotações da leitura do livro Programming Erlang, Software for a concurrent world, de ninguém menos que Joe Armstrong.

E para finalizar, não deixe de ler meu post sobre programação funcional, se você quiser ter uma rápida introdução a esse assunto.

É isso ai, até mais!!!

{ 3 comments to read ... please submit one more! }

  1. Legal cara! Valeu pela indicação.

    Estou lendo sobre Erlang, e a cada dia que passa gosto mais dessa linguagem.

    Não conhecia o projeto desse livro no Github, já estou lá dando uma olhada.

    Adicionado ao meu blogroll, abraços. :)

  2. Valeu Leandro. Muito Legal!
    Se depois dessa eu não criar vergonha e der uma olhada em Erlang, me enterro! =D

  3. Legal o “kick-start”!

    []’s
    -LeoLuz-

{ 0 Pingbacks/Trackbacks }

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>