Por que não tentar de outra maneira?

Eu nunca programei uma única linha sequer de código em Clojure, apenas dei uma boa olhada no site oficial da linguagem para conhecer sua proposta – que é muito interessante, digasse de passagem – e tenho acompanhado as notícias que rolam aqui e ali. (Coisa de quem é vidrado por programação.)

No entanto, hoje, li uma notícia sobre Clojure que me fez pensar um pouco além da própria programação…

“Por que as pessoas normalmente não tentam fazer as coisas de outra maneira?”

Achei muito interessante o fato de terem usado Clojure, que é uma linguagem jovem, para implementar concorrência em um grande e importante sistema de informação, mesmo não havendo ainda relatos de que já o tenham feito antes.

Inovação, pioneirismo, pragmatismo… Pensamento fora da caixa!!!

Isso também é sobre ser inteligente. Se já inventaram a solução do problema de concorrência, de maneira elegante, por que ainda ficar batendo cabeça com linguagens “consolidadas”, mas que não o resolvem tão eficientemente? Aham? Por que a linguagem ainda é muito nova?

Esse é só um exemplo, mas há muitos outros em nosso dia a dia. Dê uma olhada ao seu redor. Dê uma olhada em seus próprios desafios. Aliás, aproveite, e dê uma olhada em suas próprias soluções!

O quanto você tem sido tradicionalista e conservador?

O medo das novas soluções, das novas maneiras de fazer as coisas, normalmente, são um atraso para os novos bons resultados. Afinal de contas, normalmente, quem sai na frente lucra primeiro…

{ 3 comments to read ... please submit one more! }

  1. Excelente ponto de vista….O que eu sempre digo : Os Acomodados acabam sendo demitidos ou morrendo pobres :)

    Inovaçåo sempre…

    []s

  2. E viva a inteligencia artificial!! :p

  3. “Por que as pessoas normalmente não tentam fazer as coisas de outra maneira?”

    Normalmente essas pessoas não sabem que há outras maneiras, e por que a maneira que elas conhecem é boa o suficiente para o mundinho delas.

{ 0 Pingbacks/Trackbacks }

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>